Entre os métodos, organização incentiva terceiro setor a criar plano de carreira; iniciativa atua no Brasil e em outros países da América Latina
Depois de estudarem a fundo o terceiro setor e adquirirem conhecimento prático e teórico na área, os colombianos Valentina Medrano e Felipe Naranjo fundaram o projeto Cubo Social, que visa a profissionalizar organizações sociais com grande potencial de crescimento. Lançada há cinco meses, a iniciativa capacita líderes, insere tecnologia e traça cultura organizacional de ONGs para que atuem com mais maturidade.
As parcerias do Cubo Social com projetos sociais estão sendo consolidadas no Brasil, na Colômbia e no Peru. ONGs atendidas terão a possibilidade de aperfeiçoar ou até desenvolver novos projetos e aprender técnicas de comunicação, sempre com o intuito de melhorar os serviços.
“Geralmente as organizações sociais destinam a maior parte da sua energia em transformar a realidade de uma comunidade e nem sempre preocupam-se em melhorar a capacidade da sua equipe, o que permitiria gerar ainda mais impacto”, aponta Valentina, psicóloga e doutora em empreendedorismo social pela Universidade de São Paulo (USP).
De acordo com ela, o Cubo Social traz uma proposta diferente de trabalho, com o intuito de melhorar o desenvolvimento “de dentro para fora” de uma organização, o que traz bons resultados e mais impacto social. “A nossa proposta é oferecer mentoria a partir de princípios, práticas e ferramentas que colocamos à disposição das ONGs. Com os métodos, o ambiente se torna mais colaborativo e a equipe opera de forma eficiente”, contou Valentina.
Para Felipe Naranjo, engenheiro de sistemas eletrônicos, mestrando em engenharia da computação pela USP e pesquisador do Cubo Social, a iniciativa vai ajudar ONGs a criarem uma cultura de melhoria contínua. “Em grandes companhias, há uma cultura de melhoria contínua e se entende que quanto mais capacitação tiver a equipe, maior é a probabilidade de trazerem bons produtos. Isso também pode ser aplicado em organizações sociais”, revela Naranjo.
Organizações sociais que desejam contratar os serviços do Cubo Social ou querem mais informações sobre mentoria, basta enviar um email para valentina.coley@cubosocial.org. Outros detalhes pelo site www.cubosocial.org.
Tags: No tags

Leave a Comment